Conferencista Edimilson Garcia

sexta-feira, 26 de agosto de 2011

POR QUE DEVEMOS PRATICAR A PALAVRA DE DEUS?

POR QUE DEVEMOS PRATICAR A PALAVRA DE DEUS?

MT 7,24-25 Todo aquele, portanto, que houve estas
minhas palavras e as põe em prática, será como um homem prudente, que constrói
sua casa sobre a rocha. Caiu a chuva e vieram às enchentes, sopraram os ventos
e deram contra a casa, mas ela não desabou. Estava funda em rocha.

Tg 1,22-25 Sede cumpridores da Palavra e não meros
ouvintes, enganando-vos a vós mesmos. Pois quem ouve a palavra e não a pratica
é semelhante a alguém que olha num espelho seu rosto e, mal se viu, vai-se
embora para logo esquecer como era. Quem se aplica em meditar a lei perfeita da
liberdade e nela persevera não como ouvinte que facilmente esquece, mas como
cumpridor este será feliz em seu proceder.

Comentário:
“A BÍBLIA AFASTARÁ VOCÊ DO PECADO OU O PECADO
AFASTARÁ VOCÊ DA BÍBLIA”.

Ninguém rouba de você o que Deus te dá, mas muitos
podem roubar de você a busca pela graça, pela bênção e pelo milagre.

Por isso Deus nos pede para buscarmos nos familiarizar
com sua Palavra, ali está à sabedoria, a luz, os ensinamentos e as
advertências.

Quem consegue a graça de perceber Deus, de
conhecer Deus e de viver conforme a vontade de Deus terá uma colheita farta,
uma vida longa e a proteção eterna do Senhor.

E aquele que além de viver conforme a vontade de
Deus, conduzir um extraviado para o caminho da luz, um dia poderá ver a face do
Senhor.

Por isso neste caminho missionário, de mensageiro
peregrino das verdades do Senhor, quero te pedir para arrumar poucos minutos de
tua vida para dedicar-se ao Reino de Deus; seja lendo sua Palavra, indo à casa
do Senhor, fazendo caridade ou anunciando a boa nova de Jesus.
Desejo-lhe
ricas bênçãos, eterna proteção, muita sabedoria e a infinita luz de Jesus em
sua vida.


Deus esteja contigo sempre, amém!
Não
se esqueça de adicionar e ou promover a comunidade: JESUS É MINHA LUZ!


Está no meu perfil, em minhas comunidades.


Muito obrigado!
.

A MAIS TERRÍVEL DAS BATALHAS (II Reis 3:6-25)

A MAIS TERRÍVEL DAS BATALHAS (II Reis 3:6-25)

Os reis de Israel, Judá e Edom se uniram para combater contra Moabe, que revoltara-se contra o domínio de Israel. Três reis contra um - parecia fácil a vitória. Porém, a vida lhes reservava uma surpresa, um obstáculo com o qual não poderiam lidar. Você, também, mais cedo ou mais tarde, terá que reconhecer, se ainda não o fez, o maior embate da sua história. Sua força, inteligência e recursos materiais não lhe bastam para ganhar esta luta: a morte sempre vence os que insistem em enfrentá-la com estas armas. O que fazer, então, para vencer a batalha contra a morte?

a) Deus está ao alcance dos que o buscam (v. 14)
Não havia água para as tropas aliadas e a conclusão do rei Jeorão, de Israel, foi de que a derrota para os moabitas seria inevitável (v. 10). Entretanto, ali estava Josafá, rei de Judá, homem que conhecia a Deus e que naquela situação desesperadora requisitou um profeta de Deus. Avisaram-no de que Eliseu poderia ser encontrado naquela região e assim o fizeram. Igualmente, Deus está ao alcance daqueles que o buscam e propenso a socorrê-los (vide Isaías 55:6). Mas há uma condição para isto:
- É PRECISO BUSCÁ-LO COM FÉ E HUMILDADE! Deus não socorreu aos aliados por causa de Jeorão (v. 13), pois este era ímpio, idólatra. Deus respondeu por meio de Eliseu em virtude de Josafá realmente confiar nEle (v. 14).
E o que Deus faz por aqueles que o buscam, crédulos e humildes, para lhes dar vitória nesta batalha contra a morte?

b) Deus providenciou um rio de água da vida (v. 20)
A ordem dada pelo profeta era que fizessem poços naquele vale. Em nome do Senhor ele prometeu que, mesmo sem chuva, aqueles poços se encheriam de águas no dia seguinte (v. 17). Quer surpresa, sem vento, sem chuva, conforme Deus falara, surgiu a tão preciosa água. Jesus revelou-se como “a água da vida” (João 4:10, 7:37 e 38) e é a fé nEle que nos possibilita vencer nesta terrível batalha. Jesus é o milagre de Deus para nos tornar vitoriosos e não somente sobre a morte, resultado do nosso pecado, mas também sobre o inimigo de nossas almas.
E o que Jesus fez para nos garantir esta vitória?

c) A função do sangue na nossa vitória (v. 23)
A Bíblia ensina sobre o valor do sangue derramado por Jesus na cruz, em sacrifício por nós, para salvação de quem crê (Mateus 26:28, Atos 20:28, Romanos 5:8 e 9). Este foi o plano traçado por Deus na eternidade para nos salvar. Interessantemente, as águas que jorraram naquele vale da terra de Edom tinham “cor de sangue”. Isto levou os moabitas a pensarem que as águas estavam tingidas pelo sangue derramado pelos exércitos aliados que teriam se auto-destruído (v. 22). Afoitamente, os moabitas correram em busca dos depojos, tornando-se presas fáceis. A cor de sangue das águas possibilitou a esmagadora vitória. O sangue derramado na cruz é que garante nossa vitória (Romanos 8:37).

- A DIFERENÇA ENTRE JEOVÁ E O DEUS MOABITA (vs. 26 e 27): A batalha encerrou-se com um incidente terrificante. O rei Moabita, Mesa, adorador do deus Canos, desesperado pela ineficiência do seu deus, decidiu sensibilizá-lo, matando seu filho primogênito sobre o muro da cidade, em sacrifício. Isto indignou os soldados aliados. Que diferença... Jeová foi quem deu seu Unigênito para morrer na cruz para nos salvar! Basta crer e invocá-lo em oração e Ele vai ouvi-lo.

Seja vitorioso diante desta batalha contra a morte. Creia no poder do sangue de Jesus, confesse-o como Senhor e Salvador. Este é o caminho para tornar-se vitorioso (“O céu pagará qualquer prejuízo que possamos sofrer para ganhá-lo, mas nada poderá pagar o prejuízo de perdê-lo” Richard Baxter).

quinta-feira, 4 de agosto de 2011

DEUS ESTÁ NA PELEJA POR VOCÊ, CREIA A VITÓRIA É SUA!

DEUS ESTÁ NA PELEJA POR VOCÊ, CREIA A VITÓRIA É SUA!

Se você esta passando por dificuldades e cre em um Deus que tem saidas para tudo leia isso!?
Preste
atenção, na vida passamos por aflições, e as desesperanças as vezes são
contantes, mais não se deixe desanimar por nenhuma delas, voce nasceu
para vencer, Deus tem um proposito em todas as coisas.

Esta luta e
esta dificuldade que voce esta enfrentando tem um proposito e um
objetivo de Deus na sua vida visando um bem futuro, creia nisso. Quando
Deus não muda o coração Ele muda as circunstâncias. Sera que seria certo
voce abandonar tudo agora sendo que voce ja esta no meio do caminho?
Espere mais um pouquinho, Deus tem um proposito para o que voce esta
passando hoje.

Não fique triste dizendo: "eu sou pecador por isso
nao posso ir a igreja", ou: estou vivendo de forma errada e Deus nao
quer saber de mim". Não se entristessa se voce acha que a sua
personalidade ou ate mesmo o que voce ja fez ou faz de errado te impede
de ter um relacionamento com Deus.

A biblia diz que o SENHOR nos
escolheu desde o ventre materno, ou seja, quando Deus te chamou no
ventre de sua mãe Ele sabia muito bem como voce seria, como seria a sua
personalidade, e etç, e se Ele te escolheu ja sabendo de tudo isso entao
porque voce esta assim tao desanimado, e as vezes ate consigo mesmo?
Deus conhecia o seu carater e te vocacionou assim mesmo.

Preste
atenção, por Deus ser onisciente Ele ja sabia que um ladrão seria ladrão
antes mesmo dele nascer, Ele ja sabia que um assassino seria um
assassino antes mesmo dele nascer, e que um adultero seria um adultero
antes mesmo dele nascer. Mais Deus tambem sabia que existe um sangue no
céu capaz de purificar o homem de tudo isso, e este sangue é o de JESUS
CRISTO.

Por isso nao se lamente pelo que voce era ou é, Deus te
conhece em totalidade, e nada te podera separar do amor de CRISTO. Rm
8.31.39

Por isso eu tenho uma palavra de Deus para você, e esta
palavra se encontra em Jeremias 31.17, independente do que voce tiver
passando, independente do que voce estiver enfrentado, independente do
tamanho do seu problema, a palavra de Deus para você hoje é esta: " Há
esperança para o teu futuro diz o SENHOR" Jr 31.17.

Seja feliz, seja alegre, levante essa cabeça e bola pra frente porque voce é um vencedor... Que Deus te Abençoe!!!

segunda-feira, 1 de agosto de 2011

Escravos do Egito - PARTE I

LEITURA Gênesis : 47 : 21
• Por que o povo se tornou escravos do Egito?
• Porque Deus tinha uma promessa na vida de José filho de Jacó.

Quando temos uma promessa de Deus em nossas vidas muitas das vezes
temos que passar pela prova primeiro para depois sermos aprovados por
Deus.
• Quando José foi vendido por seus irmãos ele foi vendido por
20 ciclos de prata aos ismaelitas que levaram José para Potifar que era o
oficial do Egito, o qual gostou muito de José.
• Porém como satanás
não tem alegria nas nossas promessas e nas nossas vitórias ele também
lançou duas estratégias para destruir a promessa que Deus tinha na
vida de José filho de Jacó.
• Na primeira estratégia satanás fez os
irmãos de José o odiarem a ponto de lançarem ele dentro de uma cisterna e
depois tira-lo de lá e o venderem para destruir o sonho de Deus na vida
dele.
• Porque Deus tinha um sonho na vida José, pois Deus mesmo
revelou este sonho pra ele onde Deus o mostrou sendo um feixe de lenha e
ao redor dele tinha os feixes que eram os irmãos dele se curvando
diante da autoridade que ele seria.
• E através deste sonho satanás lançou a ira de seus irmãos sobre ele.

A segunda estratégia que satanás usou pra matar o sonho de José foi
quando ele foi levado a Potifar ao oficial de Faraó o rei do Egito.
• Pois mulher de Potifar tentou seduzir José na ausência de seu marido.

Mas ela não sabia que José respeitava seu marido e era muito temente a
Deus. E ela lançando a roupa que vestia nele e depois gritou pros
empregados e estes lançaram José de novo na prisão.
• A primeira prisão de José foi à do poço, onde não havia nenhuma saída pra ele e a segunda foi à prisão do cárcere.

Irmãos quantas das vezes nós também somos lançados nestes poços de
prisão aonde pensamos que não existe saída pra nossas vidas.
• São
estes os poços que muitas das vezes somos lançados : o da falta de amor,
da falta de carinho, da falta dinheiro, da falta de oportunidades pra
crescermos no trabalho ou mesmo na vida financeira ou espiritual, da
falta de trabalho, pra falta de termos um relacionamento sentimental,
ou mesmo somos lançados no poço da falta de saúde, o poço da depressão,
da opressão, da falta de auto - estima e outros poços...
• José mesmo
ali naquela prisão ele tinha uma promessa de Deus na vida dele. A
promessa do único que podia reverter aquela situação e tirá-lo dali pra
cumprir a promessa feita a ele aos dezessete anos de idade. Pois quando
Deus deu o sonho pra ele deu também a oportunidade de realizar o sonho
na vida dele.
• Então Deus deu o dom de revelação e discernimento de sonhos pra José.

O VERDADEIRO SIGNIFICADO DA ORAÇÃO

Orar é conversar com Deus. Não é um ritual, nem são frases do livro de petições deste ou daquele grupo religioso.

Quando oramos, mantemos um profundo relacionamento com o Senhor, sabemos que podemos clamar por um socorro em momentos difíceis e na hora da tentação, Ele sempre virá em nosso socorro.

Quando oramos tratamos diretamente com Deus e secundariamente com as pessoas, o alvo da oração é o ouvido do Senhor; a oração que influencia as pessoas passa primeiramente pelos ouvidos de Deus. E é Ele quem age.

Não é a oração que move as pessoas, mas o Deus a quem oramos, a oração move o braço que mobiliza o mundo e traz libertação.

O inimigo de nossas almas sabe que a oração é muito importante, foi dito que o diabo treme, quando contempla o menor dos santos de joelho; eis a razão de satanás nos manter ocupados, para que não oremos.

A combinação de oração e Palavra forma uma resistência contra os ataques do diabo, é aqui que ficamos inabaláveis no Senhor; A oração ajuda a desenvolver imunidade contra o mal.

O apóstolo Pedro nos exorta a sermos sóbrios, dedicados à oração (1 Pe. 4.7); Paulo diz que devemos orar em todo o tempo (1 Ts. 5.17); Judas diz: ”Edifiquem-se na santíssima fé que possuem, orando no Espírito Santo” (Jd. 20).

Quando um boxeador abre a guarda e deixa uma brecha em sua devesa, o adversário atinge-o com um nocaute. Quando os cristãos abrem a guarda da oração, tornam-se alvos dos ataques do inimigo. É isso que a Bíblia nos adverte sobre as setas inflamadas do malígno (Ef. 6.16).

Nossa força espiritual vem através da oração; quando oramos e pedimos a ajuda de Deus, ou suplicamos em favor de alguém, tudo o que precisamos é nos lembrar do que Jesus disse: “Portanto eu lhes digo: tudo o que vocês pedirem em oração, creiam que já receberam, e assim lhes sucederá” (Mc. 11.24).

Somente termos força e capacitação espiritual para resistir ao diabo se nossa oração for clara e específica. Jesus, antes de escolher seus primeiros discípulos, orou a noite toda (Lc. 6.12,13) Diante de satanás, Jesus o resistiu mediante o uso da Palavra de Deus (Mt. 4), Ele disse aos seus discípulos: “Vigiem e orem para que não caiam em tentação” (Mt. 26.41).

Jesus “subiu sozinho a um monte, para orar” (Mt. 14.23); no auge do seu ministério, nos momentos de crise, “Jesus retirava-se para lugares solitários, e orava” (Lc. 5.16).

Jesus sempre mostrava aos discípulos a importância da disciplina na oração (Mc. 6.46; Lc. 9.28). Antes de subir à cruz, ele orou para submeter sua vontade à do Pai (Mt. 26.39).

A oração é o mais potente antibiótico na luta contra as pragas demoníacas, por meio dela e do estudo da Escritura, Deus se comunica conosco e mostra-nos sua perfeita e agradável vontade. Quando não sabemos orar como convém, o Espírito Santo “intercede por nós com gemidos inexprimíveis” (Rm. 8.26).

A oração é a corda que aciona o alarme nos ouvidos de Deus, alguns a movem devagar, porque oram de modo fraco; outros dão ocasionalmente um puxão na corda.

Quando oramos, o inimigo recua; quando intercedemos, comunicamo-nos com Deus, o Criador que nos ama e responde as nossas orações.

A renovação que muita gente experimenta é o resultado da oração do povo de Deus; este avivamento não se restringe a uma denominação ou segmento evangélico, é um despertamento que ocorre mundialmente no corpo de Cristo. O povo ora, adora e ganha o mundo para Cristo neste tempo do fim.