Conferencista Edimilson Garcia

quinta-feira, 24 de outubro de 2013

Tema: O epílogo do Evangelho de João

Capítulo 21

Tema: O epílogo do Evangelho de João
Especialmente neste cap. achamos a reconciliação entre Jesus e o Pedro.
I. Uma noite de derrota - Pedro pescando - 21:1-3
Pedro renunciou tudo e voltou a pescar. Ele renunciou tudo para seguir o Senhor Jesus (Lc. 5:1-11) e agora está devolta à vista do pescador. Tudo que lemos acerca daquela noite fala de derrota:
(1) Está escuro, que quer dizer que Pedro não estava andando na luz.
(2) Ele não recebeu nenhuma ordem para fazer o que fez - desobedecer.
(3) Tudo que fez aquela noite falhou, como sempre acontece quando não obedecemos o Senhor.
(4) Ele não reconheceu Cristo, que mostra que sua visão espiritual era muito fraca.
(5) Pedro influenciou outros 6 homens a desobedecer.
Deus não abençoa somente quando estamos fiéis e obedecemos a Palavra. “Sem mim nada podeis fazer” (15:5). Há muitos crentes que gastam muito tempo, dinheiro, e força para nada, porque suas atividades não tem base nas Escrituras. É melhor esperar a orientação do Senhor e receber as suas bênçãos do que entrar numa obra da nossa escolha e falhar.
II. Uma manhã de decisão - Pedro festejando - 21:4-17
Depois que Cristo aparece a pesca vai muito melhor e eles pegaram muitos peixes. Só alguns minutos de trabalho com Cristo produziu mais que a noite todo trabalhando só na carne. É interessante notar que um milagre semelhante aconteceu no princípio do ministério de Pedro.
LUCAS 5 LUCAS 21
1. Uma noite de derrota 1. Uma noite de derrota
2. Não sabemos o número de peixes 2. 153 peixes v.11
3. A rede quebrou 3. A rede não quebrou
4. Cristo ficou no barco 4. Cristo ficou na terra
Aconteceram outros milagres neste capítulo: Pedro foi dado a força para puxar uma rede que nem 7 homens juntos poderiam puxar (vs.6,11). O fogo e a refeição foram produzidos milagrosamente por Jesus.
Tudo que Jesus fez foi para chamar a atenção de Pedro e abrir seus olhos espirituais. Os peixes fizeram Pedro se lembrar de que ele já deixar tudo e seguir a Jesus; o fogo o fez lembrar da sua negação de Jesus (18:18). O mar da Galiléia o fez lembrar dos milagres que Jesus fez, a multiplicação dos pães, quando ele andou nas águas com Jesus achando a moeda na boca do peixe, acalmando a tempestade, etc.
Pedro negou três vezes publicamente e agora Jesus exige que Pedro declare seu amor publicamente três vezes. Depois disso Jesus deu Pedro uma comissão. Agora Pedro não é somente um pescador de homens, mas também um pastor de ovelhas (vs. 17) (I Ped. 5). Todos os crentes são pescadores de homens mas alguns estão chamados para ser pastores e cuidar e alimentar as ovelhas.
III. Um dia de dedicação - Pedro seguindo - 21:18-25
Há uma diferença entre um filho e Deus (um salvo) e um discípulo de Deus (um salvo obediente). Nem todos os crentes são discípulos. Quando Pedro pecou ele não perdeu a sua salvação, mas perdeu a sua comunhão.
Cristo falou com Pedro sobre a cruz (vs. 18) mostrando que um dia Pedro séria crucificado (II Pedro. 1:12-14).
Mais uma vez Pedro erra e começa a falar sobre João (vs. 21). Nós devemos olhar só para Jesus (Hebreus. 12:1-2) e não é a nossa responsabilidade descobrir a vontade de Deus para outras pessoas. Devemos seguir a Cristo (vs. 22).
João fecha seu Evangelho dizendo que o mundo não podia conter os livros se tudo fosse escrito acerca da vida de Jesus. Os quatro evangelhos só apresentam 4 aspectos diferentes da vida de Jesus e não a sua vida completa.
Nós só encontramos Pedro sendo usado em Atos porque ele reconciliou com Cristo em João 21. Deus usa o crente que está em comunhão com Seu Filho Jesus Cristo.



Postar um comentário